Cambone


Cambone
Aquele(a) que organiza, que auxilia, que ajuda, que são olhos, os observadores e tantas outras definições. Muitos que iniciam a sua caminhada dentro da Umbanda, passam por um dos maiores ensinamentos que poderiam receber que é esta na função de Cambone.
Cambone não é necessariamente aquele que não incorpora, em muitas casas os filhos de Orixá que participam das Giras de Desenvolvimento nas giras normais atuam como Cambones de um determinado Guia da Casa, existem casos em que muitos Cambones ao terminarem de exercer a sua função de auxiliar um determinado Guia entram dentro da roda para trabalhar manifestados ou apenas para darem passagem para seus guias, existem casos também de pessoas que realmente não incorporam nenhuma entidade e ficam durante anos nesta função de Cambone.
Na atualidade vejo muitas pessoas dentro da Umbanda já querendo começar a sua caminhada incorporando, alguns reclamam até das giras de desenvolvimento e quando são colocados na função de Cambone acham que é uma função sem significado, infelizmente eles não compreendem a grandiosa importância que possuem, ser Cambone não é somente estar anotando o que o Guia transmite, não é somente organizar fichas, organizar a assistência, não é somente pegar um copo, pegar uma vela, ser Cambone é aprender a humildade, a caridade, o amor, aprender sobre o carinho, aprender sobre os banhos de ervas, o uso das ervas, o uso das velas, sobre os agrados aos Orixás, agrados as Entidades, até mesmo ouvir um conselho que serve para ele, ouvir uma palavra de conforto que as vezes nem pra ele é mas poderá servir para alguém, poder aprender sobre diversas questões e principalmente evoluir.
O Cambone doa a sua energia para auxiliar o Filho de Orixá que está manifestado trabalhando, costumamos dizer que o Cambone está trabalhando acordado.
O Cambone deve manter toda conversa, tudo que escuta dentro da conversa do guia ao qual está auxiliando e o consulente em sigilo, deve apenas transmitir o que ocorre ao Dirigente Espiritual da casa. Os Cambones possuem a permissão para estarem presentes em todos os trabalhos a serem realizados para os consulentes caso o Guia solicite que algo seja feito, eles podem entrar em todos os locais onde estão as firmezas da casa, eles são os responsáveis por levar o consulente para acender uma vela por exemplo, orienta-lo e até mesmo colocar ou fazer algo que seja pedido pelo guia que estão auxiliando.
O Cambone deve conhecer tudo que o Guia que ele auxilia utiliza, suas ferramentas de trabalho, suas bebidas e além disso o mesmo deve estar total sintonia não somente com os Guias mas com aquele que está manifestado na entidade. O Cambone é o braço direito de um Dirigente Espiritual, pois cabe ao Cambone relatar tudo que ocorre, observar falhas, cuidar do abuso de bebidas, fumo e outros.
Se você é Cambone, meus respeitos, sinta-se honrado(a), pois é uma das maiores funções que você poderia ganhar em sua vida, em sua caminhada na espiritualidade, é uma oportunidade única e rica em aprendizado. Todos deveriam passar por esta função dentro da Umbanda.
Axé
Samir Castro

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

"Egum Vivo", o que é? Eu explico

Exú Asa Negra

A Morte e o Pós Morte