Por que as Crianças Morrem?

 
Parei tudo que estava fazendo agora para criar esse post, há dois dias isso martela em minha cabeça surgindo ideias é como se estivessem pedindo para escrever a respeito.
Tema difícil e ao mesmo tempo polêmico, pois cada um tem uma visão diferente e isso acaba gerando discussões fora do comum entre as religiões que infelizmente não conseguem chegar a uma conclusão concreta.
Lembrando que irei expor a MINHA visão referindo-se ao lado espírita do assunto, o lado em que acredito muito que exista vida após a morte e que todos nós estejamos aqui para cumprir missões .
POR QUE AS CRIANÇAS MORREM??
Seres tão dependentes de nós que muitas vezes nos faz pensar que poderiam ser imortais somente pela inocência que trazem consigo no momento que chegam ao mundo.
Não tenho uma resposta com mínimos detalhes, mais acredito que quando a vida de uma criança é interrompida , para quem está encarnado no caso seus pais ,é uma prova ou até mesmo uma expiação (Castigo ou sofrimento de pena em virtude de todos os pecados) não só nessa vida, levando em conta que possa ter existido em vidas atrás algo que acarretasse a caminhada dos pais na qual teria deixado para prestarem contas na vida atual, ou seja eles podem ser as melhores pessoas nessa vida e nem merecer passar por isso, mais ninguém sabe lá atrás o que houve para passarem pela situação.
Já o lado da criança eu penso que tenha de outra vida um “restinho” de tempo a ser cumprido,para o espírito que esta nela encarnado, e que no momento da concepção até no dia do seu nascimento, ou até mesmo em alguns anos de sua vida esse “restinho” de tempo seja cumprido fazendo com que a criança desencarne e o espírito volte para o plano espiritual sem missões a serem cumpridas da vida passada. É como se fosse um “corpo emprestado” para que o espírito possa a vir cumprir esse tempo que falta , evoluir com suas missões e retornar para o plano espiritual sem pendências de vidas passadas.
Na visão dos encarnados isso se torna doloroso, muitos não aceitam , é revoltante uma criança que nem começou a entender o que é a vida, de repente deixar de viver nela.
Para a criança que desencarna nada mais é do que a separação entre o espírito e a matéria, pois crianças são espíritos que necessitam de varias existências para evoluírem , o espírito nunca morre é sempre o mesmo. O corpo é como uma roupa, a cada reencarnação vestem uma. Para explicar melhor esse termo, elas vem em corpo diferente mais sempre com o mesmo espírito, somente para evoluir, após a morte começa uma nova existência.
(Entendimento baseado nos conhecimentos de Allan Kardec)
Texto: Jennifer Mascarenhas

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

"Egum Vivo", o que é? Eu explico

Exú Asa Negra

A Morte e o Pós Morte